Informa Economics IEG | FNP is part of the Business Intelligence Division of Informa PLC
This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726
Informa



Imprensa

Receba nossa Newsletter



Ministro da Agricultura destaca avanços do agro brasileiro e o respeito ao meio ambiente

23/05/2018 - Ministro da Agricultura destaca avanços do agro brasileiro e o respeito ao meio ambiente

O ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) disse na última terça-feira (22), durante entrevista coletiva, em Paris, que o Brasil promoveu “uma revolução verde no mundo” ao transformar o campo brasileiro e mudar a posição do país de grande importador a um dos maiores exportadores mundiais de alimentos. Isso, segundo afirmou, com uma rígida legislação ambiental e sem o incentivo de subsídios. Maggi destacou questões que ainda dificultam o acordo do Mercosul com a União Europeia e esclareceu sobre o uso de defensivos agrícolas.

“Em curto espaço de tempo, em 40, 45 anos, passamos a fornecer alimentos para mais de 150 países. E isso, tendo consumo interno muito grande, superior a 200 milhões de habitantes”, disse o ministro. Lembrou que, hoje, “somos o quarto maior produtor de alimentos, o segundo maior exportador, utilizando apenas 9% do território brasileiro para a agricultura e mais 13% para pecuária”.

“Desses 9%, são retirados do solo 1,650 bilhão de toneladas de produtos, quer seja de florestas plantadas, café, banana, cana para a produção de etanol, soja, milho”, enfatizou.

Meio ambiente

Sobre a legislação ambiental, salientou ser bastante forte, que obriga os produtores a manterem em suas propriedades áreas de reservas ambientais de florestas, de cerrado ou de qualquer tipo de vegetação, dependendo do bioma, sem uso. “Por exemplo, no Norte, na região onde está nossa floresta amazônica, qualquer proprietário só pode usar 20% da propriedade”.

Mercosul e EU

Questionado sobre as negociações de acordo entre o Mercosul e União Europeia, durante entrevista, o ministro comentou que a Europa trabalha com muito subsídios, não utilizados na agricultura brasileira e que, por isso, é preciso estar “bastante atento a essa abertura, a fim de que não comprometa o crescimento de determinadas agroindústrias”. Mas disse que está muito próximo o acordo comercial. “Na verdade, quando se trata de carne, a Europa é autossuficiente e as cotas ofertadas ao Mercosul nada mais são do que recomposição de números que tínhamos já há dez anos atrás ou coisa parecida. Então, por parte da agricultura, nós vamos, sim, aceitar o acordo, mas não temos aquele entusiasmo, que muitos dizem que teríamos”.

 

Fonte: MAPA adaptado pela IEG FNP

Compartilhe:

Índice

Consultoria
Projetos que englobam aspectos socioeconômicos, mercadológicos, técnicos e comerciais da atividade agropecuária.
Business Intelligence
Estudos de pesquisas de mercado, análises setoriais e competitivas.
Palestras
Confira as últimas apresentações dos analistas da Informa Economics FNP sobre as diversas áreas e segmentos do agronegócio.
Publicações
Anuários, boletins e relatórios em português e inglês.
Quem Somos | Pecuária | Grãos | Açúcar/Etanol | Terras | Insumos | Anualpec | Agrianual | Imprensa | Consultoria | Business Intelligence | Palestras | Publicações

Informa Economics IEG | FNP

Rua Bela Cintra, 967, 11º. Andar - CEP: 01415-000 São Paulo/SP - Brasil
Tel.: + 55 11 4504-1414 / 3017-6800 Fax: + 55 11 4504-1411